NOSSA HISTÓRIA

Um breve relato da história e objetivo dessa Igreja, como no que nós cremos, como nossa história e missão. 

1. Cremos que a Bíblia é a única regra de fé e prática: Toda a Escritura é inspirada por DEUS e proveitosa para ministrar a verdade, para repreender o mal, para corrigir os erros e para ensinar a maneira certa de viver 2Tm.3.16.

2. Cremos que Deus é único, Justo, Santo e verdadeiro que na plenitude dos tempos se manifestou em Jesus trazendo a Redenção aos homens pecadores.

 3. Cremos que o Espírito Santo passa a habitar na pessoa no momento em que ela aceita a Jesus dando a ela o poder para testemunhar de Cristo pregando e vivendo o Evangelho.

4. Cremos que todas as pessoas são pecadoras, por isso precisam crer em Cristo como Salvador e Senhor para serem salvas.

5. Cremos que a Salvação é obtida pela fé em Jesus Cristo como único Salvador e Senhor: Jesus Cristo morreu na cruz, injustamente, sem cometer pecado, para que nós pudéssemos ter os nossos pecados limpos e perdoados. Ele pagou o preço da nossa salvação, e por isso somos justificados para termos paz com DEUS.

6. Cremos que O evangelho de Cristo por meio de sua morte possibilita a Salvação para todo aquele que nele crê.

7. Cremos que aquele que perseverar até o fim será Salvo.              
8. Cremos que a igreja é uma união de pessoas convertidas, que se reúne periodicamente para cultuar a Deus, estudar a sua palavra e para proclamar a mensagem de salvação: que é de graça.

9. Cremos que Jesus deixou duas ordenanças para serem obedecida pela igreja: A igreja Batista Nacional não possui sacramentos, mas ordenanças. A primeira delas é o batismo: O batismo é a imersão em água da pessoa já convertida. Uma pessoa que se batiza deve saber o que está fazendo. Ela precisa ter uma fé pessoal em Jesus para que o batismo tenha sentido para ela. A segunda ordenança: a Ceia do Senhor. Jesus se reuniu com os seus discípulos, e comeu pão e bebeu vinho com eles. Este ritual foi chamado de Ceia do Senhor, e tem um profundo significado: O pão simboliza o corpo de Jesus, e o vinho simboliza o sangue de Jesus derramado na cruz.

 10. Cremos que todos os crentes podem ter acesso direto a Deus através de Jesus: Segundo a Bíblia, não existe outra pessoa que possa servir de intermediário entre Deus e o homem, apenas Jesus. O crente deve orar diretamente a Deus, não usando de repetições, mas sua oração deve ser feita diretamente a Deus em nome de Jesus.

 

11. Cremos que a igreja foi instituída por Jesus, e que há, no Novo Testamento, apenas dois tipos de oficiais para liderar a igreja: os pastores e os diáconos: Cremos que Deus escolhe e separa homens para se tornarem Ministros da Palavra, os quais são chamados de pastores. Os pastores não são os chefes da igreja.

12. Cremos que Jesus Cristo voltará com poder e glória para levar a sua igreja: A Bíblia nunca falha, pois ele mesmo disse em Mt. 24.35 O céus e a terra passarão, mas as minhas palavras jamais temos passarão.

 

 Nossa Missão é proclamar  o Evangelho da Esperança

Aproveitando o tema do 15º aniversário da Igreja Batista Nacional que é O EVANGELHO DA ESPERANÇA. Iniciaremos o nosso primeiro passo para as comemorações dos 15 anos da Igreja em agosto de 2019.

Se é que permaneceis na fé, alicerçados e firmes, não vos deixando afastar da esperança do evangelho que ouviste e que foi pregada a toda criatura debaixo do céu, e do qual eu, Paulo me tornei ministro. CL.1.23.

1.      PASSO O EVANGELHO DA ESPERANÇA

A palavra “Evangelho” significa “boas novas” e é isso que o mundo está precisando muito mesmo de notícias boas, pois estamos cansados de sofrer sem perspectivas de que as coisas vão melhorar. Só evangelho de CRISTO que é as boas-novas da esperança pode dar ao homem expectativas que algo bom vai acontecer. Como sabemos a esperança está ligada á fé, porque uma pessoa com esperança acredita em coisas que ainda não vê, ou seja, aquilo que esta no futuro Rm. 8.24-25. Deus é a esperança de todo cristão, porque ele sempre cumpre aquilo que promete. Esperança é esperar. Algumas promessas de DEUS levam tempo para se cumprirem. Então precisamos que DEUS nos ajude a esperar sem desistir até que as promessas se cumpram em nós. Você pode conferir nos texto sagrados: (2Pd.1.16). (1Pd. 1.3,15). (CL.1.27). (1Tm.1.1). (Rm.15.13). (1Tm.4.10). (1Ts.5.8). (Tt.2.13). (Rm.15.4).

2.      PASSO O AMOR NÃO EXISTE RECEIO

Esse segundo passa para a comemoração dos 15 anos de vida da IBN. (1Jo.4.18). O amor não existe receio; antes, o perfeito amor lança fora todo medo. Outra razão para essa celebração é porque CRISTO nos amou primeiro. (1Jo.4.19). nós amamos porque ele nos amou primeiro.

 

 

 

 

 

NOSSA HISTÓRIA

A Igreja Batista Nacional de Fazendinha-Itpoã, teve seu início em 24 de agosto de 2004 estabelecida aqui nessa Cidade de Brasília-DF pelos irmãos Daniel, Euler, Miss Cleonice e Claudia dos Santos. Assumida em dezembro de 2005 depois de muitas reuniões de Oração pedindo ao Eterno Deus que enviasse um pastor para dar continuidade na Obre do Senhor. 

NOSSA LIDERANÇA

Palavra do Pastor.

REVESTIMENTO DE PODER

E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai; na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestidos de poder. Lc. 24.49

INTRODUÇÃO: Neste texto sagrado, o Senhor Jesus, logo após sua ressurreição triunfal, dar ordem aos seus discípulos que fiquem em Jerusalém, até serem revestidos do poder. Antes de sair de Jerusalém para levar a mensagem a outras cidades, os discípulos como nós precisam do revestimento de poder para testificar da sua palavra. At. 1.8.

“E SOBRE VÓS ENVIO A PROMESSA DE MEU PAI”

1) Que promessa é essa? Sem dúvida, é a promessa do derramamento do Espírito Santo, que Deus já havia falado pela boca dos profetas.

2) Pela boca de Isaías, o Senhor já havia prometido: “porque derramarei água sobre o sedento e torrentes, sobre a terra seca; derramarei o meu Espírito sobre a tua posteridade e a minha benção, sobre os teus desentendes” (Is. 44.3).

3) Pela boca de Ezequiel, o Senhor já havia feito esta promessa, dizendo: “Porei dentro de vós o meu Espírito e farei que andeis nos meus estatutos, guardeis os os meus juízes e os observeis” (Ez. 36.27.

4) pela boca do profeta Joel, o Senhor já havia feito esta promessa de forma mais ampla , dizendo: “E acontecerá, depois, que derramarei o meu Espírito sobre toda a carne; vossos filhos e vossas filhas profetizarão, vossos velhos sonharão, e vossos jovens terão visões; até sobre os servos e sobre as servas derramarei o meu Espírito naqueles dias” Jl.2.28-29.

Precisamos do mesmo revestimento de poder para vencer o mal e com autoridade anunciar o evangelho do Reino dos Céus.  

 

Fechar Menu
×
×

Carrinho